fbpx

Jurado

Luiz Senise

Pianista elogiado pela crítica nacional e internacional, teve sua estréia no Carnegie Recital Hall saudada no “The New York Times” por J. Horowitz, que ressaltou a singular execução de Debussy e a majestosa interpretação de Liszt, considerando-o “… um exímio pianista, dedos possantes, idéias incisivas e habilidade para equilibrar impetuosidade com refinamento”.

Discípulo de Elzira Amábile, aperfeiçoou-se com Jacques Klein, Arnaldo Estrella e Magda Tagliaferro. Na Europa estudou sob a orientação de Bruno Seidlhofer em Viena (Áustria), Nikita Magaloff em Genebra (Suiça), Jan Ekier em Annecy (França), Pierre Sancan em Nice (França) e Eliane Richepin em Paris (França).

Detentor de numerosos prêmios em concursos de piano, entre os quais o 2º lugar – Prêmio Guiomar Novaes´- no II Concurso Internacional Villa-Lobos, vem desenvolvendo uma intensa carreira que inclui discos, gravações para rádios e televisões e participações em CDs. Com projetos premiados pela Funarte realizou “tournées” por todo o Brasil, apresentando-se como concertista e camerista em importantes salas de concerto brasileiras e no exterior, sempre com referências altamente elogiosas por parte da crítica especializada.

Mestre em Música pela Universidade Musical Internacional de Paris e pela Escola de Música da UFRJ, é professor da Escola de Música da UFRJ, desde 1994.

Integrou o corpo docente da Escola de Música da UFMG, Universidade Estácio de Sá e Conservatório Brasileiro de Música, realizando nestas instituições significativo trabalho como professor.

Responsável pela sólida formação de inúmeros musicistas, seus alunos, agora mestres e doutores, estão lotados em importantes universidades estaduais e federais e colecionam várias centenas de prêmios em concursos nacionais e internacionais de piano. Tem atuado em importantes Festivais de Música, Seminários, Debates, Palestras, Mesas-Redondas e ministrado centenas de Cursos Públicos e Master Classes destinados à reciclagem de professores e alunos em Universidades, Escolas de Música e Fundações Culturais.

Figura de destaque no cenário musical brasileiro, Senise foi orientador artístico, organizador, membro e presidente de júri em importantes concursos nacionais e internacionais de piano e música de câmera e coordenador de projetos na Escola de Música da UFRJ  e na FUNARTE / MEC. Durante oito anos permaneceu como curador musical do Fórum de Ciência e Cultura da UFRJ coordenando o projeto “Música no Fórum”.

                                            Excertos de Críticas

 

“… sensibilizei-me particularmente com a interpretação poética, colorida e cheia de vida dos Prelúdios de Debussy do pianista brasileiro” .(Tribune de Genève – Suíça)

“… Senise obteve um sucesso extraordinário exibindo sua técnica perfeita. É um notável intérprete de Debussy, do qual traduz não só o colorido particular como também a forte personalidade.” (Le Progrès –  França)

“… Personalidade original e sensível, Senise revelou qualidades de verdadeiro musicista. Seu Debussy foi especialmente apreciado e aplaudido.”  (Le Dauphiné – França)

“… Pianista de técnica impecável e poderosa…” (Luiz Paulo Horta, Jornal do Brasil – RJ)

“… Senise demonstrou séria formação técnica e importante personalidade musical”. (Antonio Hernãndez – O Globo)

“… O pianista redimensionou sua projeção em nosso meio musical com sua esplêndida atuação”.                                                                       (Ronaldo Miranda, Jornal do Brasil – RJ) Escola de Música da UFRJ.

“… uma das mais fortes revelações da arte pianística brasileira”. (Eurico Nogueira França, Correio da Manhã – RJ)